37 dicas para mamães de primeira viagem

Mãe de primeira viagem? Aqui estão 37 dicas com sabedoria de nossos conselheiros e outros Pais que temos certeza que irão calhar.

Mãe brincando com crianças dentro de casaco azul amarelo rosa

Tornar-se pai ou mãe pode ser um pouco avassalador, especialmente quando conselhos são recebidos de todos os lados. Por isso, compilamos este guia prático de dicas rápidas de pais e especialistas conhecidos para dar os primeiros passos e dar a você a confiança necessária para adotar seu novo papel.

1. Viva o agora. 

Por meio deste documento, você tem permissão para parar de se preocupar com sua lista de tarefas – lavar a roupa, amamentar, comprar fraldas – e aprender a estar presente com seu bebê. Aproveite seus momentos preciosos juntos. —Wayne Fleisig, Ph.D.

2.  Relaxe nas refeições da criança. 

Espere hábitos alimentares estranhos. Ofereça uma variedade. Não empurre, não entre em pânico. Eles comem quando estão com fome. —Connie Diekman, RD, Universidade de Washington em St. Louis

3.  Mantenha a hora de dormir cedo. 

Seu filho vai dormir o que precisa e você poderá recarregar suas baterias. —Jodi Mindell, Ph.D., autor de Sleeping Through the Night

4.  Diga não. 

Quanto melhor você recusar solicitações que não interessam ao seu filho, menos vezes precisará fazê-lo. Você pode dizer não uma vez no supermercado quando seu filho pede para comprar uma sorvete, ou você pode dizer todas as noites quando o sorvete estiver no seu freezer em casa. – David Ludwig, MD, Ph.D., autor de Ending the Food Fight

5. Crie mini tradições. 

Pendure balões em volta da mesa da cozinha na noite anterior ao aniversário do seu filho, para que ele acorde para um dia especial. Faça um barulho engraçado quando é só você e seus filhos em um elevador. Crie um aperto de mão que apenas eles conhecem – e guarde esses grandes momentos. – Harley A. Rotbart, MD, autor de No Regrets Parenting

6. Esteja pronto para dias de doença. 

Se abasteça de bebidas de reidratação, como Soro Fisiológico, Gatorade ou outros isotônicos, para que você não precise correr para a loja no meio da noite, quando seu filho estiver vomitando. – Wendy Hunter, MD, Hospital Infantil Rady, Universidade da Califórnia, San Diego

7. Conheça o seu filho. 

Cada criança é uma combinação única de pontos fortes e desafios. Tente adaptar sua resposta para caber a criança na sua frente. – Eileen Kennedy-Moore, Ph.D., autora de Smart Parenting for Smart Kids

8. Encontre sua equipe.

 Identifique as pessoas para as quais você pode ligar quando precisar desabafar – amigos que opinarão quando você pedir e ficarão de boca calada quando não o fizerem e que deixariam cair algo para você e sua família (e vice-versa). Ame-os intensamente e agradeça-os com frequência. –Acey Dunkin, mãe solteira de seis

9. Lembre-se de que você é um modelo. 

Faça com que ser mãe pareça atraente para seu filho, para que ele queira ter filhos e você possa ser avô um dia. Se você estiver sempre estressado, mal-humorado ou agitado, ela não se sentirá inspirada a se tornar mãe. – Wendy Mogel, Ph.D., autora de A Bênção de um Joelho Esfolado

10. Deixe seu parceiro assumir. 

Ele está todo dentro, então incentive-o a tomar conta do banho, da leitura ou da barriga (ou dos três). São ótimas atividades de vínculo – e uma oportunidade para você respirar. – David L. Hill, MD, autor de Dad to Dad: Parenting Like a Pro

11. Fale sobre decisões de dinheiro. 

Quando você compra uma marca de queijo porque é mais barata (e igualmente boa) ou opta por passar uma bolsa que você gosta “até que esteja à venda”, explique seu pensamento ao seu filho. – Farnoosh Torabi, mãe de dois filhos e apresentador do podcast So Money

12. Leia para seu filho todos os dias. 

Ajuda a criar imaginação e é um tempo bem gasto. – Christine Hohlbaum, mãe de dois filhos e autora de The Power of Slow

13. Vá pequeno com grandes mudanças. 

Garrafa para copo com canudinho? Berço para a cama? É claro que você deseja que essas transições ocorram de maneira suave e rápida, mas isso pode ser esmagador para o seu filho. Deixe-o brincar com o copo novo, ou sente-se e leia juntos primeiro na cama nova. Quando ele estiver acostumado com as novas experiências sensoriais, você poderá oficializar a troca. – Harold S. Koplewicz, MD, presidente do Child Mind Institute

14. Ajude seu bebê a dormir sozinha. 

Alimente-a no início de sua rotina de dormir. Depois de um banho, livros e carinho, coloque-a no chão enquanto está sonolenta, mas ainda acordada. Se você alimentá-la ou embalá-la para dormir, ela sempre precisará da sua ajuda para cochilar. – Dr. Mindell

15. Estabelecer tarefas.

 Peça aos seus filhos que joguem em casa esvaziando latas de lixo, arrumando a cama, colocando a mesa e guardando os brinquedos. Ajudar nas tarefas domésticas gera auto-estima porque você confia nelas para fazer o trabalho. – Martin R. Eichelberger, MD, Safe Kids Worldwide, Centro Médico Nacional da Criança

16. Confie nos seus instintos. 

Mesmo que você não consiga diagnosticar o que há de errado quando seu filho não se sentir bem, seu intestino lhe dirá que ele precisa ser verificado. – Ari Brown, MD, autor do bebê 411

17. Não se torne o mordomo. 

Seus filhos são dedicados à competência. Adquira o hábito de pendurar a jaqueta no armário e colocar a roupa suja no cesto em tenra idade, para que você não precise. – Dr. Mogel

18. Quando você estiver errado, seja o dono. 

Se você brinca com seu filho (ou seu parceiro), peça desculpas. Isso ensinará a seus filhos que não há problema em cometer um erro, desde que você o reconheça e peça desculpas. – Alice Domar, Ph.D., autora de Finding Calm for the Expectant Mom

19. Dê um tempo a si mesmo. 

Quando você está com raiva, é menos provável que responda ao seu filho de uma maneira útil. Você não precisa reagir instantaneamente. Fazer uma breve pausa ajuda você a se acalmar e pensar sobre as coisas. – Dr. Kennedy-Moore

20. Nudge harmonia entre irmãos. 

No jantar, peça a cada criança que se reveze, dizendo o que gostou do irmão ou irmã naquele dia. Isso ajuda as crianças a procurar os aspectos positivos de seus irmãos e não os negativos. —Lacey Dunkin

21. Abra janelas a partir do topo. 

Elimine o risco de seu filho cair, mantendo-o fechado e trancado no fundo. E não a tente escalar colocando móveis baixos por baixo. – Dr. Caçador

22. Como um escoteiro, esteja preparado. 

Nunca saia de casa sem pelo menos uma muda de roupa para cada criança. – Dr. Colina

23. Cuidado com o pai humblebrag. 

Quando os conhecidos se gabarem de seu filho brilhante ou super talentoso, relaxe. Provavelmente, eles estão exagerando ou mentindo. – Dr. Mogel

24. Conte “histórias de idade”. 

Ao deitar, peça ao seu filho que escolha um número menor que a sua idade atual. Depois conte a ela sobre algo interessante que aconteceu com você nessa idade. —Dale McGowan, pai de três filhos e autor de Raising Freethinkers

25. Desligue o telefone. 

Quando você está com seus filhos, essa chamada / texto / e-mail pode esperar. Eles sabem quando você não está prestando atenção. – David Fassler, MD, autor de Help Me, I’m Sad: Reconhecendo, Tratando e Prevenindo a Infância e a Depressão do Adolescente

26. Fique sem teto. 

Tente sair juntos por pelo menos alguns minutos todos os dias e se mover sob o céu. É uma chance de escapar de telas e atividades sedentárias e estabelecer um ritual de chuva ou sol que beneficiará seu filho por toda a vida. – Wendy Sue Swanson, MD, autora de Mama Doc Medicine: Encontrar calma e confiança nos pais

27. Aja como bobo. 

A vida pode ser muito séria. Deixe seus filhos verem você rir, fazer caretas e persegui-los pela casa dizendo: “Eu vou pegar você!” – Dr. Domar

28. Ande em vez de dirigir. 

Use suas pernas para pequenas tarefas e datas próximas. Ao passear com seu filho, converse, toque “eu espio” ou pule rachaduras na calçada juntos. – Dr. Rotbart

29. Seja pai, não amigo. 

Seu trabalho não deve ser popular. Seus filhos nem sempre gostam de você no momento. Mas no fundo eles sempre o amarão por estabelecer expectativas claras. – Dr. Eichelberger

30. Torne a matemática mais divertida. 

Aproveite todas as oportunidades para brincar com números, tamanhos e formas. Conte as laranjas e as maçãs ao colocá-las na sacola do supermercado. Pergunte ao seu filho qual caixa de cereal é a mais alta. Aponte o círculo no relógio e o retângulo na janela. – Deborah Stipek, Ph.D., autora de Mentes motivadas: educando as crianças a amar o aprendizado

31. Mantenha-se consistente com suas regras. 

Mas primeiro, verifique se eles são justos. – Dr. Domar

32. Apenas dance. 

Quando você estiver falando e cansado de demandas sem fim, ligue algumas músicas e apenas termine o dia. É difícil não sorrir quando você está se soltando (e assistindo seus filhos dançarem). —Lacey Dunkin

33. Responda às perguntas intermináveis ​​do “porquê”. 

É mais fácil falar do que fazer, mas as crianças pequenas estão curiosas sobre tudo em seu mundo. Se você parar de responder às perguntas deles, eles podem parar de perguntar. —Raquel D’Apice, fundador do blog The Ugly Volvo

34. Faça backup de suas fotos e vídeos. 

Você não quer perder memórias digitais insubstituíveis. Invista em um disco rígido de backup ou em um serviço de nuvem. – Darshak Sanghavi, MD, autor de Um Mapa da Criança

35. Mostre ao seu filho como cumprimentar as pessoas. 

Ensine seu filho a fazer contato visual, sorrir e cumprimentar alguém novo em várias situações. Então peça para ela experimentar. Você só tem uma chance de causar uma primeira impressão. —Faye de Muyshondt, mãe de dois e 32 fundadores da Socialsklz 🙂 for Success

36. Destaque de gratidão. 

Invente o termo BPOD (melhor parte do dia) e revise-o todas as noites. Refletir sobre as coisas boas é uma prática adorável que promove a felicidade e o otimismo. – Dr. Swanson

37. Vá em frente e jorra. 

Informe seu filho – por meio de suas ações e palavras – o quanto você o ama e o que acha especial nele. – Dr. Fleisig

Compartilhe nossos conteúdos !

Shares

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

1 Comentário

  1. GOSTAMOS MUITO DE SEU BLOG.. SHOW

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.